<$BlogRSDURL$>

2004-06-29

A diferença entre a esquerda Europeia e a portuguesa

A crise provocada pela ida do Dr. Durão Barroso para presidente da comissão europeia, serve para diferencial a nossa esquerda, da esquerda europeia.

Por um lado temos a esquerda da Europa, a apoiar o nosso primeiro-ministro, na candidatura ao 3º cargo mais importante do mundo. Desde o chanceler Schroeder, passando pelo primeiro-ministro Blair e até pelo Dr. Rodrigues Zapatero, com quem o Dr. Durão Barroso tinha tido uma troca de palavras mais duras, apoiam em massa o lider do PSD.

Por cá, só se houvem criticas. Do PCP e do BE, é normal pois são radicais de esquerda e o seu principal objectivo é destruir. Mas do PS, um partido europeista, que deveria ter orgulho em ter um compatriota em tão importante cargo, é inaceitavel.

E assim ficamos a saber o que vale a nossa esquerda. Esta atitude, de facto, diz tudo.

2004-06-28

A Arquitecta Vermelha

Ainda vamos ver a Arq. Helena Roseta, no Bloco Extremista. É que ela já participa nas manifestações com eles.

Já não deve faltar muito. Tipico de cabeças à deriva.

As manifestações, tipo circo, lideradas pelo Bloco Extremista

Estas acções são de um provincianismo atroz, são palhaçadas tipicas do Bloco Extremista, de anti-democraticos.

É este tipo de actividades, que são uns espectáculo circense e só servem para a fotografia dos medias, seus amigos, que o partido lider da esquerda (BE) tanto gosta e que até utiliza no parlamento, com o objectivo de conseguir tempo de antena.

Esta gente que se desloca a estas manifestações são gente que não tem mais nada que fazer.

Se tivessem de trabalhar 8 horas por dia e depois levar com mais uma ou duas horas para chegarem ao pé da familia, é que eu queria ver se iam a manifestações.

Muitos são os funcionários públicos protegidos pela esquerda e que a população activa tem de sustentar. Os mesmos que agora recusam ser avaliados.


A inveja, a vergonhosa inveja

A esquerda e principalmente o PS, estão mortos de inveja.

Calculo a Dr.Ana Gomes. Aqueles olhos cheios de ódios devem estar bem injectados.

A mascote deles foi preterida.

Agora só resta dizer mal, mal, mal, mal, ...
O serviçal da esquerda

António José Teixeira, é o serviçal de Mário Soares, que combina as suas entrevistas com Mário Soares de forma a que o agora radical de esquerda, posso falar só dos temas que lhe interessam. Deontologicamente é gritante este tipo de acções, pois um jornalista deve ser isento e não tentar influênciar a opinião pública como ele faz tão dissimuladamente, mas de uma forma brilhante.

Mas o que verificamos agora é que ele não é só serviçal do Dr. Mário Soares, mas da esquerda, no seu todo.

A última a assinalar foi a sua critica ao Dr. Durão Barroso, por este não ter falado ao pais à mais tempo.

Ó António José, se calhar deveria ter falado mesmo antes de ter recebido o convite formal, não?
Questões hipotéticas

1ª Realizavam-se eleições legislativas e não havia nenhum partido com maioria absoluta. Formava-se um governo minoritário, como o do Eng. Guterres. Meses depois fazia-se no parlamento uma moção de censura e o governo ia a baixo.

O que se deveria fazer?

Novas eleições ou tentava-se uma solução de governo, com o parlamento existente. Fazendo uma coligação ou outro governo minoritário.

2ª - Existia um governo maioritário ou uma coligação maioritária. Acontecia uma desgraça ao primeiro-ministro( ficava doente ou morria).

O que se deveria fazer?

Novas eleições ou utilizar o parlamento existente onde é possivel fazer um governo estável para os portugueses.

Resposta:

A esquerda, como está em minoria arranja todos e mais alguns argumentos para legitimar a realização de eleições. Não têm a menor das razões, porque o parlamento existente têm capacidade para constituir um governo estável para o pais.

Mas vamos registar estes argumentos, pois um dia se a esquerda estiver com a maioria no parlamento (esperemos que não) e acontecer uma situação como esta, o discurso dos radicais de esquerda vai ser muito diferente.

Conclusão:

A esquerda é oportunista, não ganhou as eleições legislativas, não sabe perder, pois não tem espirito democrático.


Ponto Negro da Imprensa - 26 Junho 2004 

Altos ... e ... Baixos - José António Lima

Esta semana o ponto negro da imprensa vai para alguém que semanalmente faz uma pequena coluna, Altos ... e ...Baixos, no Semanário Expresso.

José António Lima tem vindo a chamar a nossa atenção para a sua coluna, e hoje recebe a distinção desta semana.

As suas apreciações são sempre tendênciosas e têm como objectivo atingir alguém da área do centro-direita e da direita. O seu alvo principal é invariavelmente o CDS/PP e principalmente o seu lider, Dr. Paulo Portas.

Esta semana o alvo do seu ataque são os Santanistas. Este redireccionar da sua mira, está em consonância com toda a esquerda. O objectivo de todos os esquerdistas, onde na prática temos de incluir José António Lima, é criar instabilidade e desacreditar Pedro Santana Lopes e a sua equipa. Mesmo que para isso tenham de criticar politicas sociais, que lógicamente beneficiariam muitos portugueses.

Aqui está um colunista recalcado que merecia a atribuição de um ponto negro pela sua semanalmente tendênciosa coluna, qualitativamente mais baixa do que alta.


Os radicais de esquerda e as pressões anti-democráticas

Aconteceu em Espanha, onde a esquerda radical, utilizou os telemóveis para contactar os seus mais activos e radicais membros, de forma a fazerem uma manifestação num dia de reflexão, interdito a acções desse tipo. Mas como a esquerda radical não tem valores democráticos, mas sim anárquicos, utiliza todos os meios para atingir os fins.

Também agora em Portugal, as áreas mais extremistas e anarquistas da esquerda, utilizam todos os meios para boicotar que os métodos democráticos prevaleçam. Existem regras democráticas, mas eles só as utilizam e fazem uso delas quando isso lhes interessa.
Doutra forma, como agora se verifica utilizam todas as formas de pressão, para que a regras democráticas não funcionem.

Todas as acções de guerrilha politica e anti-democráticas são licitas para o anarca Dr. Anacleto Louçã e seus sovietes.

Este é o conceito de democracia do Bloco Extremista.

Ainda estamos em democracia

Segundo parece, o governo de Portugal deve ser constituido pelo partido mais votado das eleições legislativas. Correcto?

Esse partido foi o PSD. Correcto?

O PSD deve dizer se constitui governo sozinho ou com o apoio de um ou mais partidos. Correcto?

Então porque é que a esquerda está com tanta falta de ar?

Deficit de democracia!!!

2004-06-16

Gaffes do agora radical de esquerda

O velho Mário Soares não está totalmente contente com a vitória do PS. É que o timing desta vitória foi péssimo para o seu clã. Assim o seu menino tem poucas possibilidades de chegar a secretário geral do PS.

Aplausos completos só para o Bloco Extremista, pois ideologicamente é o partido mais próximo dos seus ideais.

Mas aquela cabeça já faz muitas confusões - troca Marcelo Rebelo de Sousa por Marcelo Caetano.


2004-06-15

Ponto Negro da Imprensa - 15 de Junho 

O Aborto - João Adelino Faria

Este pseudo jornalista, mas que a trabalhar mais parece um militante de um qualquer partido de esquerda, depois de uma peça sobre o julgamento de 3 mulheres acusadas do crime de aborto, convidou um especialista em direito penal, o Dr. Paulo Saragoça da Mata.

João Adelino Faria começou a questionar o especialista sobre a legitimidade do julgamento, devido as provas terem sido conseguidas através de escutas telefónicas para crimes com pena inferior a 3 anos.

O jurista teve de explicar por 3 vezes, que a escuta era legítima, porque o ponto negro deste dia reformulou a sua questão mais 2 vezes, tentando manobrar o especialista e conseguir a resposta que lhe interessa. Legitimar a prática do aborto.

Mais uma vergonha jornalistica.

TSF - A rádio sindicato


tsf

Estou a achar isto tudo muito estranho.

A TSF tem apresentado as novidades sobre as zaragatas entre adeptos das equipas do Euro 2004, baseando-se nas informações dos comandos centrais das forças de segurança!!!

Normalmente, utiliza as informações que os sindicatos prestam. E esta, em!!!


As manifestações dos dirigentes sindicais e amigos próximos

As manifestações organizadas pelos sindicalistas das várias forças policiais, estão cada vez com menos participação.

Ontem falou-se em 500 policias na rua, de diversas forças de segurança como sejam a PSP, a GNR, a Policia Maritima, o SEF, etc. Mesmo que este número fosse verdadeiro daria cerca de 100 agentes por cada força de segurança. São no fim de contas os dirigentes sindicais e os seus amigos próximos.

Não têm significado, nem tão pouco peso politico. Da última vez falaram em 5.000 participantes.

Mas além disso deslocamo-nos ao Terreiro do Paço e durante o discurso dos dirigentes, o número de agentes no local não deveria ser superior a 100 pessoas.

Enquanto os colegas de profissão trabalham no duro, para garantir a segurança do Euro 2004, estes senhores sindicalistas anda a passear com os seus amigos, pelas ruas da capital e não trabalham.


2004-06-14

As comemorações dos charrados

Segundo informações do Diário de Noticias, de hoje, durante as comemorações efectuadas pelo Bloco Extremista, num edificio da Graça, ontem, era sentido um intenso cheio a charros.

Será que os 167.026 eleitores que votaram no Bloco Extremista, gostariam um dia de ver qualquer cargo de relevo entregue a charrados ...

Por certo não estão avisados, mas é importante começarem a ser informados.

Não conhecemos o tipo de regime proposto pelo BE, pois não falam do que querem construir, só no que têm de destruir, mas começamos a perceber que também passa pelo consumo de droga.

Será que foi assim que arranjaram dinheiro para a mega campanha para o Parlamento Europeu?
O PS ganha as eleições Europeias

O Partido Socialista ganhou as eleições europeias. Os nossos parabéns, são um inquestionável vencedor.

Mas têm de agradecer, também, aos seguintes factores.

- A uma punição massiva de todos os partidos que estão no governo (excepções à Espanha e Grécia pois os seus governos estão no inicio)

- Ao voto emotivo pela morte de Sousa Franco.

- Ao facto de só terem votado 38,9% dos portugueses. Cerca de um terço.

O PS passa a ter no Parlamento Europeu, radicais de esquerda representados por Ana Gomes.
O Bloco Extremista mais uma vez mente

A Ana Drago, também conhecida por virgula, comentou na televisão em tom de palhaçada como é hábito dos Bloco Extremistas, que os paises que tinham como politica externa, apoiar Bush no Iraque tinham perdido. Invocou até o cartaz do BE.

Das duas uma:

- Ou não estava bem informada
- Ou mente como de costume.

É que os politicos mais penalizadas foram precisamente Schroeder e Chirac, os principais opositores da intervensão no Iraque.

Na nossa opinião, eles (Bloco Extremista) mais uma vez mentem.

Ponto Negro da Imprensa - 13 Junho 2004 

TVI - Manuela Moura Guedes e Pedro Pinto

Está a precisar da reforma. Aliás só está como pivot, porque é a mulher do director.

Toda retorcida, sem chama, arrogante, uma sombra do que foi em tempos.

Mas o mais grave foi a falta de respeito por alguns politicos, nomeadamente o presidente do CDS/PP. Depois da intervenção do Dr. Paulo Portas, começou a rir, com ar de desprezo. É só profissionalismo.

Pensavamos que o trabalho dos jornalistas era informar e não serem tendênciosos.

Ultrapassada, escaqueirada, a precisar da reforma.

Um velho ponto negro da imprensa.

O caso de Pedro Pinto é diferente. É um pau mandado, seguindo obedientemente os comentários da chefe. Não fosse perder os prémios pecuniários!!!

Um novo ponto negro da imprensa.

A desgraça da politica e o politico vergonhoso

O Dr. Sousa Franco morreu no meio da campanha eleitoral, quando lutava pelas suas convições e pelos seus valores. A sua morte foi uma desgraça, para a politica nacional, para o PS, para os portugueses.

Durante o dia de 4ª feira ouvi dezenas de figuras nacionais falarem sobreo Dr. Sousa Franco e a perda que a sua morte tinha sido para o pais. Uns falaram mais do homem outros do politico, mas quase todos quiseram deixar uma mensagem para a memória do grande homem de estado, do professor, que Sousa Franco tinha sido.

Mas no melhor pano cai a nódoa. Mais uma vez o Dr. Mário Soares, provou do que é feito e foi o único politico que aproveitou a morte de Sousa Franco dizendo no final da sua intervenção na antena 1, ... que agora mais do que nunca, todos tinham de votar no partido que Sousa Franco representava, pois essa era a forma de lhe prestar homenagem ...

Comentários vergonhosos, de um politico vergonhoso, que nem a morte respeita.


2004-06-02

Nem todos têm os mesmos principios do Sr. Francisco Anacleto Louçã


Por favor, vejam os dois primeiros parágrafos de um texto escrito pelo Dr. Francisco Louça na edição do Expresso On-line do dia 12 de Maio de 2004.

Em 2 parágrafos o escriba lança suspeitas sobre 5 pessoas. Em poucas linhas, ataca o Primeiro Ministro, as pessoas que compõem o Conselho de Sábios (Professor Eduardo Catroga, Dr. João Morais Leitão e Dr. José Luís Sapateiro) e por último o jornalista Luís Delgado.

E agora Dr. Francisco Anacleto Louçã, depois dos Sábios terem colocado a proposta da Carlyle em 3º lugar o senhor mantêm tudo o que disse no artigo ou vai pedir humildes desculpas às 5 pessoas referidas dizendo que se enganou?

Ficamos a aguardar e felizmente nem todos têm os mesmos principios do grande líder dos radicais de esquerda em Portugal.

2004-06-01

Mais uma campanha construtiva do BE





Gostaria de referir a forma construtiva, criativa, fecunda, criadora de mais valias, enriquecedora, elogiosa, positiva, favorável, responsável, séria, benéfica, propícia, adulta, sensata, etc... da última campanha do BE.


Não posso deixar de concordar que esta é uma óptima proposta para a Europa.

Assim Portugal vai para a frente ... é isto que trás valor acrescentado ao nosso Portugal.


Como sempre o BE, brinca e apalhaça os momentos importantes da politica nacional.

.
Haja coragem, faça-se justiça

Dizem muita coisa do Dr. Portas, mas não vejo ninguém referir acções que são importantes, pelo menos no meu ponto de vista.

Sempre me retorci quando vi o Dr. Mário Soares, colocar flores nas campas dos antigos inimigos de Portugal, em Africa, esquecendo-se dos soldados portugueses que possivelmente contrariados foram lutar pelo pais e pelos seus concidadão, nas provincias ultramarinas.

Mas isso agora aconteceu. Paulo Portas teve a coragem de o fazer. E "alguns" portugueses estão felizes, com este acto de respeito pelo portugueses caidos em defesa da nossa pátria. Nem que sejam só as suas familias. É que não faltaram as criticas dos esquerdas complexados.

Haja coragem.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?